Postado em 25 de março de 2015 por Lu Bento

Uma das maiores preocupações da mulheres após uma gravidez é quando a menstruação irá retornar. É ótimo não precisar se preocupar com absorventes enquanto cuidamos de um bebê pequeno e, sem dúvida, não menstruar te dá muito mais liberdade.  Mas a gente sempre fica encucada enquanto ela não vem, pensando naquela possibilidade do método anticoncepcional ter falhado e estarmos grávidas novamente.  Principalmente se você for uma pessoa desatenta como eu. Mas um dia ela finalmente volta.

Minha menstruação voltou. Depois de 1 ano  do nascimento da curiquinha. Por que eu tô falado disso? Porque a volta da minha menstruação é um simbolo de uma nova fase na minha vida. Eu estive quase que  totalmente focada em cuidar das meninas no último ano. Mesmo não me dedicando exclusivamente aos cuidados delas, meu foco principal era promover o bem-estar e atender as necessidades básicas delas.

Biologicamente, quando a gente diminui o número de mamadas a menstruação tende a voltar. Mini Bentia já fazia aleitamento misto desde o nascimento, praticamente. Mas mesmo assim mamava  no  seio dia e noite em casa durante todo o tempo da nossa licença maternidade. Com quase 6 meses ela foi pra creche, e passou a mamar só durante a noite.

Quando isso acontece já se espera que o corpo entenda que é hora de voltar a menstruar. Mas o meu corpo resolveu colaborar comigo e me deixar curtir a liberdade de não precisar pensar em absorventes.

Quando esteve internada pela primeira vez ficou pelo menos 15 dias sem mamar no peito. O leite vazou do seio por 1 ou 2 dias e depois parou. Não ordenhei, não fiz mais nada e quando ela pode mamar, ela simplesmente meteu o peito na boca e mamou. Ainda tinha leite. Fiquei esperando a menstruação pra qualquer dia naquele período. Ela não veio.

Depois da segunda internação, Mini Bentia parou de mamar voluntariamente por uma semana. Não aceitava o peito por nada. Achei que ela tivesse largado. Achei que iria voltar a menstruar.  Nem Mini Bentia deixou o peito nem a menstruação voltou.

Lógico que não menstruar estava sendo maravilhoso. Mas a ausência da menstruação sempre deixa um clima de tensão no ar e definitivamente uma nova gravidez agora não faz parte dos meus planos. Eu não via justificativa pra tanta demora no retorno dela se a frequência de amamentação era totalmente irregular.

O fato dela ter voltado agora, justamente quando eu voltei a estudar,  tenho passado um tempo de qualidade longe das meninas e voltei a ser alguém além de uma mãe tem um valor simbólico bem interessante. Vejo a volta dos meus ciclos como a mãe dando espaço para o retorno da mulher. E uma mulher mais consciente do seu corpo, dos seus processos internos, dos seus sentimentos, das suas demandas e quereres.

Eu não pude reparar muito bem na primeira vez como a menstruação muda após o parto. Realmente, a gente se torna outra mulher. Se a duração do ciclo  e o fluxo menstrual era de um jeito, nada garante que será o mesmo após o parto. Você pode voltar a ter cólicas ou não. Acho que até a TPM muda. Você precisa redescobrir.

Enquanto eu esperava Mini Bentia li uma reportagem sobre um pessoal que fazia reverências àmenstruação2 menstruação. Não lembro direito pra dar a bibliografia, mas basicamente dizia que a menstruação é sagrada. Devo estar bem influenciada por essas ideias, aliada à vontade de experimentar o coletor menstrual, sei lá.

Já menstruei muito na minha vida, mas nunca tinha gostado tanto de perceber que eu estava menstruada. Por sorte, apesar de toda a minha desorganização nesse sentido, eu tinha todos os apetrechos necessários pra não ficar numa situação constrangedora na rua.

Comentários no Facebook

Veja mais em Empoderamento

20 de abril de 2017 Ontem saiu um texto da Patrícia Froes no blog #AgoraÉQueSãoElas, da Folha,  intitulado “Filho, o mundo não é seu”,...
8 de abril de 2017 Olá Pessoal! Estou de volta. Sim, dei uma sumida bem louca e bem mais intensa que o normal. Precisava...
19 de outubro de 2016 Depois de uma eternidade, finalmente consegui retomar a regularidade (que nunca existiu) de postagem aqui no blog e retomo...